Atenção! Obrigatoriedade de CPF/CNPJ nos boletos bancários

A Febraban, Federação Brasileira de Bancos, em atenção à determinação do Banco Central do Brasil – Circular n. 3.656/2013 – instituiu a obrigatoriedade do registro do CPF ou CNPJ do destinatário em todas as cobranças por boleto bancário.

Esta obrigatoriedade foi instituída para padronizar o sistema nacional de cobrança e oferecer mais segurança tanto à rede bancária, quanto aos clientes na compensação de valores, evitando fraudes e desvios da receita.

QUAIS AS VANTAGENS DA OBRIGATORIEDADE DO CPF ou CNPJ NOS BOLETOS?

1. Facilidade no pagamento do boleto, mesmo após o vencimento, diretamente no site do banco centralizador do título;

2. Mais segurança e proteção contra fraudes na emissão dos boletos de cobrança;

3. Possibilidade de encaminhamento do título aos correntistas cadastrados no sistema DDA – Débito Direto Automatizado.

Destacamos que, em breve, não será mais possível emitir as cobranças sem o CPF ou CNPJ do empregador. Para proceder com a atualização de seu cadastro, Clique Aqui!

Caso tenha qualquer problema ou dúvida na atualização de suas informações, por favor, entre em contato com o SINSESP, através do telefone: (11) 3662-0241, ou por e-mail, aqui.

 

SINSESP, desde 1987!

Comente usando o Facebook

Veja Também